Upskill Platform

Sua liderança está sem visibilidade e proatividade?

Enxergar os problemas quando eles estão surgindo é ter visibilidade para detectar e solucionar os problemas com proatividade e agilidade. É assim que acreditamos ser possível sustentar o crescimento da empresa. Um dos principais papéis da liderança é remover esses obstáculos que impedem seus profissionais de alcançarem sua máxima performance e, ao removê-los, permitir que o crescimento profissional resulte em crescimento do negócio.

Sua liderança está sem visibilidade e proatividade?

Enxergar os problemas quando eles estão surgindo é ter visibilidade para detectar e solucionar os problemas com proatividade e agilidade. É assim que acreditamos ser possível sustentar o crescimento da empresa.

Um dos principais papéis da liderança é remover esses obstáculos que impedem seus profissionais de alcançarem sua máxima performance e, ao removê-los, permitir que o crescimento profissional resulte em crescimento do negócio.

Veja, na história a seguir, como a falta de visibilidade foi prejudicial para o ambiente de trabalho de Douglas e Joana, e para os resultados da empresa como um todo.

*Os personagens são fictícios. As histórias baseadas em conversas com dezenas de gestores de empresas.

O desafio da proatividade quando a percepção da liderança é baixa

Douglas, CPO de uma fintech, tinha um grande desafio: evitar que outros líderes antigos e importantes para a empresa saíssem em debandada depois do pedido de demissão de uma de suas lideranças do RH (Joana).

Joana era uma profissional muito querida pelos colegas e uma grande referência na gestão de pessoas. No entanto, havia algum tempo que ela enfrentava dificuldades pessoais com as quais não conseguia mais lidar sozinha, sem que impactassem em seus resultados no trabalho.

Proatividade é endereçar problemas pessoais dos colaboradores

Parte de suas necessidades estavam relacionadas à exigência de maiores gastos com a saúde do filho, que sofria de uma distúrbio crônico e precisava de cuidados especiais. Ou seja, ela precisava de uma remuneração maior e levou esta necessidade ao seu líder direto – Douglas.

No entanto, Douglas, fazendo uma avaliação apenas de suas necessidades e competência no trabalho, negou o aumento de remuneração ou promoção – que justificaria um maior ganho – e imaginou que suas justificativas haviam sido suficientes.

Passadas algumas semanas, da conversa em que Douglas havia negado o aumento, Joana voltou a conversar com o líder, agora já decidida a sair, por ter encontrado um lugar que atendesse melhor às suas necessidades.

Para ser proativo é preciso ver os problemas rapidamente

Apesar de gostar muito da empresa e dos colegas, Joana sabia que este sacrifício era imprescindível para continuar cuidando do filho e sustentando sua família.

Com a saída de Joana, a diretoria percebeu que o problema maior não era o fato de ter perdido uma colaboradora antiga e importante, mas a liderança não ter sido capaz de enxergar o problema-raiz que levou a colaboradora a sair e não ter previsto as consequências negativas para a empresa (ou o custo desta decisão) de não atender o que ela havia pedido.

A diretoria percebeu que a liderança precisava ser treinada e desenvolvida para ter visibilidade mais ágil dos problemas, quando eles estão surgindo, para conseguir resolver antes de escalarem e prejudicarem toda a empresa.

Encontrou alguma semelhança com o momento do seu time ou do seu negócio?

DÊ UM UPSKILL na sua liderança!

Conheça como nosso know-how, metodologia, unidas à tecnologia e ciência de dados, traz proatividade para enxergar e solucionar os problemas reais que estão bloqueando o crescimento da sua empresa!

Agende uma Demo! 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Summary

Newsletter

Assine nossa newsletter e mantenha-se atualizado.

Últimos artigos

fit cultural
Liderança do futuro
Aline Daher

Fit cultural inclusivo: para além do recrutamento

Fit cultural é um termo que se aplica, normalmente, ao alinhamento de um candidato a determinada vaga, no processo de seleção de uma empresa. No entanto, quando restringimos esta prática à entrevista de seleção de um novo colaborador, podemos estar ignorando o fato de que a cultura organizacional sofre mudanças ao longo da história de uma empresa, e que seus colaboradores e políticas precisam se adaptar, do contrário, seria necessário trocar todas as equipes a cada mudança de cenário.

Saiba mais »
equipes
Human-Centric Work Design
Aline Daher

Mude a maneira como suas equipes são lideradas

Loud quitting, quiet quitting, lazy job, coffee badging estão desafiando as empresas a manter a produtividade e performance dos times e do negócio, num ambiente de trabalho remoto ou híbrido. No entanto, é certo que o comportamento das pessoas mudou, impulsionado pela pandemia e consolidação de um mundo híbrido, seja para viver, consumir, como para trabalhar.

Saiba mais »

Agende uma demonstração

Desenvolva sua equipe, faça sua empresa crescer